Governo apresenta plano para recuperação de aprendizagens - A executar até 2023




O Plano 21|23 Escola+, que representa um investimento superior a 900 milhões de euros na escola pública, foi apresentado por Tiago Brandão Rodrigues, numa sessão presidida pelo Primeiro-Ministro, António Costa.

«Ensinar e Aprender», «Apoiar as Comunidades Educativas» e «Conhecer e Avaliar» são os três grandes eixos do Plano 21|23 Escola+.

Para construir este Plano plurianual, o Governo promoveu um conjunto alargado de auscultações e criou um grupo de trabalho com a missão de apresentar sugestões e recomendações, com o objetivo de recuperar aprendizagens, procurando garantir que ninguém fica para trás.

Este Plano visa promover a diversificação das estratégias de ensino e o investimento no bem-estar social e emocional dos alunos, incentivando o envolvimento de toda a comunidade educativa.

Pode assistir ao vídeo completo de lançamento do programa aqui : https://www.portugal.gov.pt/pt/gc22/comunicacao/noticia?i=recuperacao-escolar-e-um-grande-desafio-que-a-sociedade-tem-nos-proximos-dois-anos

Para uma análise crítica deste plano, pode escutar este episódio do podcast Expresso da Manhã: https://expresso.pt/podcasts/expresso-da-manha/2021-06-02-PRA-Na-teoria-e-bom-na-pratica-vamos-ver-daed497a - em que João Paulo Baldaia entrevista Filinto Lima, presidente da Associação Nacional de Directores de Agrupamentos e Escolas Públicas (a quem agrada a autonomia concedida aos professores) e Jorge Ascenção, da Confederação Nacional das Associações de Pais (que aborda o plano na perspectiva do envolvimento das famílias).

19 visualizações0 comentário